Andrei Barros Correia em 23/02/13

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreGrándola, vila morena, por Andres Stagnaro.

O filet mignon bovino é peça extremamente mole, quase sem gorduras nem nervos, mas pouco saborosa, de si. É uma peça cara, por essas bandas, também, basicamente por ser pequena, muito macia e por perder-se pouco depois de tratada. Para que tenha vantagens além da maciez, dado o pouco sabor intrínseco da peça, convém que […]

Continue lendo sobreFilet mignon na manteiga, pimenta-do-reino, sal grosso e vinho tinto.

Severiano Miranda em 22/02/13

A blogueira cubana superstar do momento, Yoani Sánchez, está de visita ao Brasil. Depois de anos pedindo permissão para sair de seu país, Cuba, e outros tantos vivendo na Suiça e por ai vai. A blogueira é polêmica por criticar as consequências atuais do que aconteceu em  Sierra Maestra há tempos atrás, mexendo assim com os brios […]

Continue lendo sobreE quando finalmente a Yoani Sánchez fala…

A renúncia do Bispo alemão de Roma às suas funções corporativas foi, por um lado, ato de grandeza: está velho, doente e com medo dos papéis que indicam atividades pouco edificantes do banco Vaticano e da corporação em geral. Por outro lado, foi infame, pois revela pouca preocupação pelo antecessor, que foi deixado a fazer […]

Continue lendo sobreO Bispo alemão de Roma renuncia às funções. O subornado apaixonado e o culto são diferentes e semelhantes.

Não me alongarei; tentarei ser o mais breve. A existência de garantias formais jurídicas serve ao Sobrado como amparo ao discurso de que nada mais precisa ser feito e que há igualdade no país. Mentira. Entre garantias formais e a efetividade delas, de maneira a superar ou diminuir a dicotomia com os Mucambos, vai longa […]

Continue lendo sobreCidadão de segunda classe. Ou, Sobrados e Mucambos precisa apenas de novos nomes.

Os gregos pré-helênicos deixaram-se seduzir pelas partições trinitárias e estabeleceram o modelo persistente até hoje da unicidade composta divisível, esse delicioso paradoxo. Os elementos do humano poderiam traduzir-se por corpo, consciência e alma, a implicarem-se reciprocamente, aos pares, e a implicarem-se os três como condição da unidade. Aos pares, implicam-se necessariamente para a validade de […]

Continue lendo sobreSoma, psiqué e pneuma. Ou, seria possível vender parte da alma ao Príncipe do Mundo?