Andrei Barros Correia em 28/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreChild in Time, por Deep Purple.

Andrei Barros Correia em 28/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreMy sweet Lord, por George Harrison.

Andrei Barros Correia em 28/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreThe House of the Rising Sun, by The Animals.

Andrei Barros Correia em 28/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreWhile my guitar gently weeps, de George Harrison.

Andrei Barros Correia em 26/11/15

Art. 53. Os Deputados e Senadores são invioláveis, civil e penalmente, por quaisquer de suas opiniões, palavras e votos. § 2º Desde a expedição do diploma, os membros do Congresso Nacional não poderão ser presos, salvo em flagrante de crime inafiançável. Nesse caso, os autos serão remetidos dentro de vinte e quatro horas à Casa […]

Continue lendo sobreO STF deve julgar, não se vingar, se emocionar, ou se indignar.

É impressionante como, nos confrontos entre as palavras e a experiência direta, a palavra frequentemente sai vencedora: muitas pessoas acreditam no que lhes é dito, e não naquilo que seus próprios sentidos indicam. As linguagens do Cérebro, Horace B. Barlow   Todas as classes sociais defendem seus interesses. Uma delas nunca se confunde, nem discursa […]

Continue lendo sobreA narrativa é mais poderosa que a experiência e que o interesse.

Andrei Barros Correia em 21/11/15

Vejo Real Madrid x Barcelona num canal de televisão que não importa dizer qual é.  O jogo é no Bernabeu e, à despeito das ausências de Messi e Xavi, o Barcelona dá espetáculo. E vence, até a hora em que escrevo, no intervalo, por dois a zero, com gol de Suárez e Neymar. Muita gente […]

Continue lendo sobreBarcelona 4 x 0 Real Madrid. E os escravos tristes…

Andrei Barros Correia em 14/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreNever Marry a Railroad Man, por Shocking Blue.

Andrei Barros Correia em 14/11/15

O último estudo do US Census Bureau diz que há, nos Estados Unidos da América, 47 milhões de pessoas na pobreza, o significa 14,8% da população. A pesquisa fez-se em 2014 e utiliza padrões de pobreza, linhas de corte – poverty threshold – já antigos. Consideram-se pobres os integrantes de grupos familiares de quatro pessoas […]

Continue lendo sobreContagem regressiva para o caos nos EUA.

Severiano Miranda em 13/11/15

Posts relacionados:Sem posts relacionados.

Continue lendo sobreMenos raiva em nosso mundo. #PrayforParis #Muslims #Paris