Classe Média

Andrei Barros Correia em 04/08/17

A classe média é o eixo de transmissão do poder. Não é ela que toma as grandes decisões, evidentemente, mas é ela que permite executar os planos dos reais detentores do poder; é instrumental, enfim. Isso deve-se, em parte, ao fato de ocupar os postos chaves da burocracia estatal. Nesta classe estão os formuladores de […]

Continue lendo sobrePor medo e ignorância.

Andrei Barros Correia em 10/04/17

O grande dilema filosófico da classe dominante brasileira é se os pobres deveriam ser escravizados ou, antes, todos eliminados fisicamente. É uma dúvida que seria menos atroz se tivessem rudimentos de economia. Essa dúvida leva a que vagueiem a expressar sua essencial demofobia incoerentemente. Não me entrego ao grande luxo da surpresa, real ou fingida, […]

Continue lendo sobreDemofobia. Ou, o anseio de que fossem ao menos invisíveis.

Andrei Barros Correia em 02/03/17

É facílimo acostumar-se à liberdade de costumes e acha-la coisa natural, como a erva que brota sem aparentes semeadura e rega. Contudo, a liberdade de costumas é coisa bem outra, é obtida em processos tão lentos quanto penosos e, o que poucos lembram, é reversível. As classes médias são, em sua grande maioria, polarizadas por […]

Continue lendo sobreA extrema direita é um problema da direita.

Andrei Barros Correia em 21/05/16

DECLARAÇÃO Eu, Fulano de Tal, brasileiro, casado, funcionário público, residente no município de Qualquer Canto, venho, expressamente, para finalidade de explicar e legitimar minha perplexidade ante o óbvio e previsível que adviria com o golpe de Estado que desejei ardentemente, declarar-me obtuso, ignorante de história antiga e recente e incapaz de pensamento autônomo. Declaro, outrossim, […]

Continue lendo sobreDeclaração de hipossuficiência intelectual.

Andrei Barros Correia em 18/04/16

Como herança cultural e paradigma sempre invocado, a farsa dualista platônica nos teria bastado. Mas, a ela acrescentaram-se camadas de preconceitos semíticos e rudimentos de um teísmo de lei e tribunal. É claro que essa mistura fermentou bem e deu ao mundo nossa celebrada cultura ocidental. Tão evidente quanto o triunfo deste modelo são suas […]

Continue lendo sobreO proselitismo duelista.

É impressionante como, nos confrontos entre as palavras e a experiência direta, a palavra frequentemente sai vencedora: muitas pessoas acreditam no que lhes é dito, e não naquilo que seus próprios sentidos indicam. As linguagens do Cérebro, Horace B. Barlow   Todas as classes sociais defendem seus interesses. Uma delas nunca se confunde, nem discursa […]

Continue lendo sobreA narrativa é mais poderosa que a experiência e que o interesse.

Época de declaração de ajuste anual do imposto sobre a renda das pessoas físicas, relativo ao ano anterior, é um frenesim enorme na pequena-burguesia brasileira. Convém lembrar que este grupo é a caixa de ressonância do discurso da excessiva carga tributária; acham que pagam muitos tributos… É a mesma gente que viaja frequentemente ao exterior, […]

Continue lendo sobreAs prisões formais. Cumplicidade com a fraude, elemento de coesão social e boa consciência individual.

Andrei Barros Correia em 12/03/15

A imprensa conseguiu enfim criar níveis de ódio suficientes para se levar à frente o golpe de Estado fundado na difusa histeria moralizante. Semeou no terreno mais fértil: a classe média. O interessante é que os sujeitos a serem instalados no poder estatal pelo golpe não são de classe média, nada devem a esse estrato […]

Continue lendo sobreÓdio golpista e diferenças relativas de classes.

Andrei Barros Correia em 06/05/14

Não há nobreza senão no proletariado e na aristocracia. E não há inteligência em negar as estratificações que se conhecem pelos nomes consagrados. Isso deve ser dito, aqui no início, porque tornou-se moda negar não apenas a existência de classes, mas a própria classificação e sua terminologia própria. Convém ainda anotar que classe média, como […]

Continue lendo sobreO saque do Estado e os dilemas e interesses da classe média.

Andrei Barros Correia em 06/04/14

Há meses, escrevi pequeno texto a demonstrar que o programa de rendimentos mínimos Bolsa Família é algo realmente mínimo e inferior ao que os médio classistas apropriam do Estado por meio de simples isenções tributárias, como aquela decorrente de ter um menor dependente. Basta um pouco de informação e de honestidade intelectual para perceber que […]

Continue lendo sobreAs raízes do ódio medio-classista ao Bolsa Família.